Uma homenagem à mulher-mãe!

"E num dia de bendita magia, numa explosão de luz e flor, num parto sadio e sem dor, é capaz, bem capaz, que uma mulher da minha terra consiga parir a paz. Benditas mulheres." Rose Busko

domingo, 8 de maio de 2016

Dia das Mães

Sim... hoje é dia das mães. Mais que uma data pra presentear, hoje é um dia pra refletir.

O que você deseja para sua mãe? Eu, enquanto mãe e mulher, desejo que todas nós possamos ser protagonistas - sem julgamentos, sem preconceitos, sem imposições, sem violências - porque essa sim é a raíz da humanização.

E pra refletir sobre o que é protagonismo, posto aqui o breve relato da minha amiga Nathália Tomazelli que ontem escolheu a cesariana como via nascimento para seu primeiro filho. Os motivos? Não importam... o importante foi o respeito à escolha livre e informada.

Parto normal ou cesariana, amamentação ou aleitamento artificial, berço ou cama compartilhada... cada uma de nós faz as escolhas que dão conta. E que todas nós possamos ter nossas escolha respeitadas!

Feliz dia das mães!!

🎊Ehhh meu principe chegou 👑👶👼😍😍😍 Sim a Enfermeira Obstetra, parteira, ativista do pelo parto domiciliar, quem luta com todas as forças pelo parto natural, teve seu primeiro Baby de cesaria😱😱😱 Sim cesaria!!!!
Após 5 dias de bolsa rota, inúmeras idas a maternidade para avaliação do indice líquido amniotico, usg, realização de ctg, hemogramas, após exaustivas caminhadas, rebolar o dia todo na bola e inúmeras tentativas de indução natural, permaneci todo o período de bolsa rota sem dinâmica uterina, nenhuma contração, nem uma dorzinha😰! !
Não entrei em trabalho de parto, isso existe?? Não, todas entram em trabalho de parto!!!
Não tenho passagem?? Não, isso não existe!! Pra ter passagem tem que dilatar, pra dilatar, tem que ter contração!!!
O que aconteceu? Ainda não tenho todas as respostas, apenas suposições!!
Ao aguardar o máximo a hora que meu principe queria chegar e ao limite em relação ao hemograma para evitar risco de infecção, tinha que tomar uma decisão, indução hospitalar ou cesaria, pq não optei pela indução?? Sou naturalista sim, se sai de casa, sai do meu ambiente, deixou de ser natural! Guerreiras pra mim as que têm um parto "natural" hospitalar.
Esse foi meu breve relato, pra responder a tantas indagações no Zap!!!
Estamos maravilhosos, tive uma cesaria respeitosa, com clampeamento oportuno, luz baixa, música, sala aquecida, Rayan só ouvia a minha voz e do meu marido, ficou todo tempo em meu seio, e está até agora😍😍😍
A escolha foi minha, fui respeitada e isso é ser humanizado 

Nenhum comentário:

Postar um comentário