Uma homenagem à mulher-mãe!

"E num dia de bendita magia, numa explosão de luz e flor, num parto sadio e sem dor, é capaz, bem capaz, que uma mulher da minha terra consiga parir a paz. Benditas mulheres." Rose Busko

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Beijo muito!!


“Quando uma mãe beija seu bebê, recolhe amostras dos germes patógenos que estão no rosto do bebê a ponto de serem ingeridos. Os órgãos linfoides secundários da mãe, como as amídalas, e as células "b" de memória são reestimuladas. Estas células "b" migram até as mamas da mãe onde se produzem os antibióticos específicos que seu bebê precisa”. 

A frase é do pesquisador Lauren Sompayrac, pós doutor em Microbiologia, Patologia e Biologia Celular e Molecular e professor da Universidade do Colorado. Seu trabalho pode ser conferido nos títulos "How The Immune System Works" (Como trabalha o Sistema Imunológico) e "How pathogenic viruses work" (Como trabalham os vírus patogênicos), além de em sua página http://medicine.jbpub.com/infectiousdisease/index.cfm

Só mais uma das dezenas de provas que temos do quanto nossa natureza é sábia.
Então, se você amamenta, beije muito!!

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário