Uma homenagem à mulher-mãe!

"E num dia de bendita magia, numa explosão de luz e flor, num parto sadio e sem dor, é capaz, bem capaz, que uma mulher da minha terra consiga parir a paz. Benditas mulheres." Rose Busko

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

A Cientificação do Amor


Michel Odent é um pesquisador da história do nascimento e das necessidades básicas da mãe e do bebê. Em 'A Cientificação do Amor', Odent questiona tudo o que se faz atualmente na sociedade moderna em relação aos cuidados na gestação e parto. As questões da dor e do apego entre mãe e filho são comparadas com o comportamento dos animais. Discute as intervenções médicas provocando o efeito 'nocebo', neologismo para designar os prejuízos de algumas condutas médicas. Neste livro, comenta o uso de drogas durante o parto; enumera os hormônios que participam do nascimento trazendo resultados recentes de pesquisas, para supor, de forma surpreendente, novas atribuições à ocitocina. O livro contém teses a respeito da fisiologia do amor valorizando os primeiros momentos da vida como sendo capazes de interferir permanentemente na nossa capacidade de amar. Ele afirma que o protótipo de todos os relacionamentos está nesta relação que se tem com a mãe desde o nascimento.


Nenhum comentário:

Postar um comentário