Uma homenagem à mulher-mãe!

"E num dia de bendita magia, numa explosão de luz e flor, num parto sadio e sem dor, é capaz, bem capaz, que uma mulher da minha terra consiga parir a paz. Benditas mulheres." Rose Busko

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Enjoos na Gravidez

As náuseas e vômitos, batizadas pelos médicos de Êmese Gravídica, são bastante comuns na gestação, sobretudo em primigestas (mulheres em sua primeira gestação). Aparecem com mais frequência e intensidade pela manhã e costumam desaparecer entre a 12ª e a 16ª semanas de gestação.

Embora absolutamente comum esse quadro pode trazer bastante incômodo à gestante. A boa notícia é que há alguns truques que podem minimizar bastante os sintomas, permitindo que você supere esta fase de forma menos traumática.

Confira:



1. Evite jejum prolongado. Engana-se quempensa que escapa dos enjôos ficando de estômago vazio. O ideal é comer porções menores em intervalos não maiores que 3h.

2. Deixe sempre 03 bolachas de água e sal em sua mesa de cabeceira. Não se levante logo que acordar. Coma ainda deitada e aguarde uns minutos. Em seguida movimente a cabeça para a direita e para esquerda. Posicione-se lateralmente para se sentar e faça isso devagar. Ainda sentada, respire fundo por cerca de 30s antes de ficar de pé.

3. Não escove os dentes logo após acordar. O creme dental pode provocar náusea. Tome um banho e só depois escove os dentes. Evite excesso de creme dental.

4. Evite bebidas quentes pela manhã. Tome algum líquido gelado. Sucos naturais são ótimas opções
(confira algumas sugestões abaixo). Isotônicos, como água de coco, também são indicados.

Sugestões de sucos:
  1. Abacaxi, maça e gengibre
  2. Melancia com salsinha ou hortelã 
  3. Abacaxi, mamão papaia e cenoura
  4. Erva doce com maça e pêra
  5. Pêra com gengibre e beterraba
  6. Berinjela, laranja e maça
5. Consuma alimentos ricos em Vitamina B6. A Pirodoxina (Vitamina B6) é uma ótima aliada na prevenção e combate a êmese gravídica. São fontes dessa vitamina o levedo de cerveja, farelo e germe de trigo, fígado, rins, soja, melão, repolho, melado, arroz integral, ovos, aveia e nozes.

6. Prefira comidas frias e secas. Alimentos quentes ou com condimentos fortes e muito molho têm mais chance de provocar enjôos e vômitos. Prefira saladas frias e alimentos integrais.

ATENÇÃO: É preciso ficar atenta. Cerca de 2-3% dos casos evoluem para um caso grave de vômitos denominado Hiperêmese gravídica - um quadro grave que interfere na vida normal da gestante, podendo levar a alterações nutricionais e metabólicas, trazendo risco para a vida materna e fetal.

Se você está com náuseas, vômitos intensos (vários episódios ao dia), salivação excessiva e tem fraqueza, tonteira ou perda de peso, converse com seu obstetra. Não tome medicamentos sem expressa recomendação de seu médico - pode ser perigo para sua saúde e a vida de seu bebê.

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário